Sou dramática, intensa, transitória e tenho uma alegria em mim que quase me deixa exausta. eu sei sorrir com os olhos e gargalhar com o corpo todo. eu sei chorar toda encolhida abraçando as pernas. por isso, não me venha com meios-termos, com mais ou menos ou qualquer coisa. Venha a mim com corpo, alma, vísceras, e falta de ar...”

Comentários

Postagens mais visitadas