Por falar em..mensagem ignorada.




Você acha certo sumir assim? Me deixar plantada esperando notícia, não responder minhas mensagens, sair do jogo sem aviso prévio? Não vou aceitar suas desculpas,não dessa vez. Gastei muito tempo com você, fiquei atrás feito um cachorrinho morto de fome, perseguindo os passantes na rua na esperança de uma migalha que fosse, eu andei atrás de você. Eu tinha fome de ti e me escondia e me mostrava de acordo com a sua vontade, com o seu humor, disposto a receber como prêmio qualquer migalha. Era pena o que você tinha, não é? É isso, nunca foi afeto. Você apenas via aquele cachorrinho faminto, sentia compaixão e o dava uma dose de carinho, uma pontada de esperança que o faria te esperar no dia seguinte na mesma esquina, até o dia em que você o tomaria de vez para si. Tola. Fui tola em acreditar em você, no seu discurso sobre seus medos, sua tentativa de me proteger, seu receio em se entregar. Quer saber? medo todo mundo tem,gostar é sempre esse campo imprevisível, onde as pessoas se lançam simplesmente porque não há outra forma de viver. Não há, tá ouvindo?
Você gosta de alguém? Algum dia já gostou? Não precisa dizer, vou ficar feliz se você disser que sim, pelo menos por saber que você não é esse robô que imagino que seja. Desconfio que haja um coração perdido em meio à sua loucura e imprevisibilidade. Tem que ter, não? Debaixo desse gelo tem que ter um coração. Tem que ter, pra validar ao menos aquela vez em que eu podia jurar que existia afeto recíproco. É o coração que diz essas coisas, certo? Vejo potencial em você. Um dia uma mulher diretamente do planeta dos loucos vai conseguir te tocar lá no fundo e seu gelo vai derreter, você vai virar um desses apaixonados e começar a achar sentido nas canções de amor, anota aí. Não, não é praga, é só a lógica da vida. Você não pode viver pra sempre assim, um dia você vai ver que a entrega é a melhor sensação que alguém pode ter. Aí talvez você lembre de mim, mas eu não vou estar aqui. Azar o meu,ou seu. rs
 Um dia a vida vai andar,e eu vou deixar de ser esse cachorrinho que está sempre na esquina à sua espera, mas que só te tem quando você acha que convém. Meus sentimentos nunca te importaram, por isso, um dia o seu sentimento não vai tocar nem o mindinho do meu pé. Vou colocar esse coração mole que carrego no congelador e vou deixar meu celular por lá também, pra não ter o azar de ouví-lo tocar e ser o seu nome aparecendo na tela. Você vai sentir minha falta e entender tudo o que eu tentava te dizer com minhas loucuras literárias e com o meu carinho irresponsável. Eu tentei, mas não quero ser mais uma marionete no seu show particular. Vou reencontrar o amor próprio que perdi quando te encontrei, você vai ver. Você vai achar que é indiferença, joguinho bobo de garota pirracenta, mas não vai ser. Vou ignorar o cara  que gostei tanto, porque ele não soube gostar em troca. Não, vou ignorar o cara que gostei porque ele não teve coragem de aceitar que gostava de volta. Porque ele sempre se mostrou corajoso, mas no fim deixou o medo destruir tudo e transformá-lo num desses manés que pisam no coração do outro. Vou te ignorar porque você é louco. Louco varrido, doido de pedra, coração de gelo..e é dele todo meu afeto.


Comentários

  1. O lado injusto do amor é não ser em quem a causa que dói a dor.
    GK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente...
      Suspeito que de justiça,o amor nem saiba direito de que se trata. rs

      Excluir

Postar um comentário

Mostre seu amor! =)

Postagens mais visitadas